Endodontia

Endodontia é a especialidade que realiza o que a população conhece como tratamento de canal. Mas o que vem a ser um tratamento de canal?
É a remoção do tecido mole que se encontra na parte mais interna do dente (câmara e canal), e que recebe o nome de polpa. Esta pode estar sadia ou infectada e, ao ser removida, é substituída por um material obturador.
Fonte: Revista do APCD

Planos de saúde: bradesco-dental doctor-clin

Agendamento Gratuito

Ligue

Porto Alegre – (51) 3085.1717

Sapucaia do Sul – (51) 3451.1000

Dúvidas Comuns

O que é tratamento endodôntico?

É a remoção do tecido mole que se encontra na parte mais interna do dente (câmara e canal), e que recebe o nome de polpa. Esta pode estar sadia ou infectada e, ao ser removida, é substituída por um material obturador.

Quais são os sintomas mais característicos para se indicar o tratamento endodôntico?

Dor espontânea, isto é, quando o dente começa a doer sem estímulo – de forma latejante, não muito bem localizada e que aumenta com o calor. Nesse caso, a polpa ainda está viva, porém inflamada, e o uso de analgésicos não resolve. Já quando há morte da polpa, geralmente a dor é bem localizada, havendo sensação de “dente crescido” e dor ao mastigar. Além disso, ao se abaixar a cabeça, tem-se a sensação que o dente “pesa”.

Sempre que um dente dói, deve receber tratamento endodôntico?

Não. Os dentes podem ter resposta dolorosa a qualquer estímulo fora do normal: frio intenso, calor intenso, doce e salgado. Esses sintomas são observados em dentes cariados, em dentes com colo exposto (retração da gengiva) e em dentes submetidos a carga intensa (durante a mastigação). Nesses casos, removendo-se a causa, cessa a sensibilidade.

O tratamento é muito dolorido?

Com o uso da anestesia, o tratamento é indolor e, às vezes, nos casos de polpa mortificada, nem é necessário anestesiar. Pode se desconfortável por ser necessário permanecer muito tempo com a boca aberta.